Toyota não desiste e confirma que está a desenvolver novos motores a gasolina que “vão ajudar na neutralidade de carbono”

Início / Elétricos e Híbridos / Toyota não desiste e confirma que está a desenvolver novos motores a gasolina que “vão ajudar na neutralidade de carbono”

Toyota não desiste e confirma que está a desenvolver novos motores a gasolina que “vão ajudar na neutralidade de carbono”

Como já sabemos, a Toyota é uma das empresas que hoje não está disposta a anunciar o desaparecimento dos seus motores térmicos a gasolina na prossecução da eletrificação total da sua gama. Tanto é que, durante o Salão Automóvel de Tóquio, há poucos dias, a própria empresa Akio Toyoda presidente da empresa, confirmou a chegada de motores a gasolina de nova geração à sua gama, o que “ajudará a alcançar a neutralidade carbónica”.

Leia também: 

  • Repsol apresenta uma ‘gasolina renovável’ sem petróleo que todos os carros podem utilizar
  • Razões pelas quais os carros elétricos de autonomia estendida também são chamados de híbridos

A marca japonesa ainda vê um longo caminho a percorrer nos motores de combustão. Por isso, no seu stand no evento de Tóquio, a marca expôs modelos como o novo GR Yaris ou o conceito Lexus LBX com motor GR Corolla de 300 CV. No entanto, esta não é a única visão da Toyota para os próximos meses e anos, já que o presidente revelou que esta tendência continuará a ser assim por muito tempo.

Akio Toyoda

Toyota conTInuará desenvolvendo motores a gasolina

“Os motores ainda desempenham um papel como meio prático de alcançar a neutralidade de carbono. Então, vamos aperfeiçoar a tecnologia desses motores. Os veículos elétricos a bateria não são a única forma de alcançar a neutralidade de carbono. Não deveríamos todos ficar entusiasmados com os carros quando assumimos o desafio? Você pode estar pensando: ‘Motores térmicos hoje?’ Pode parecer que estamos indo contra os tempos, mas isso não é verdade. Este é um passo necessário em direção ao futuro”, disse Akio Toyoda na sua apresentação pública durante o Salão Automóvel de Tóquio.

Continuando o seu discurso, o presidente da Toyota confirmou que continuarão a trabalhar com motores a gasolina e que será um “ponto chave” no crescimento da marca. Hoje, aproximadamente 5,5 milhões de pessoas trabalham no setor automóvel no Japão, pelo que proteger estes empregos é um passo crucial para a marca. No entanto, também sugeriram que grande parte deles poderá evoluir e atuar em outros segmentos automotivos, como a mobilidade elétrica.

Conceito de SUV urbano Toyota

Mas, como a Toyota contribuirá para a redução de emissões com o uso de motores a combustão? Isso é algo que eles não anunciaram nem forneceram detalhes específicos. Sabe-se que a empresa trabalha há anos com mecânica híbrida; Parte desta evolução ocorrerá no sistemas de suporte eletrificados a motores térmicos cada vez mais eficientes, reduzindo assim ainda mais as suas emissões de carbono. Paralelamente, também pesquisam motores térmicos através do uso de hidrogênio.

Apesar de tudo, a Toyota também está desenvolvendo uma linha completa de carros elétricos movidos a bateria. Nos próximos anos chegarão modelos de todos os tipos, como um alternativa elétrica para o Toyota Yaris Cross ou um carro esportivo com caixa de câmbio manual. Há alguns meses anunciaram o roadmap que a marca seguirá até 2030, com o chegada de baterias de estado sólido com autonomia que rondará os 1.200 quilómetros.

Leitura relacionada:

Roberto Magalhães

O cérebro editor por trás do Tecnologico.online, é um entusiasta apaixonado por tecnologia. Canaliza sua fascinação para criar conteúdo envolvente e informativo. Sua dedicação à inovação reflete-se nos artigos que produz, abrangendo uma ampla gama de tópicos tecnológicos. Com um olhar atento para as últimas tendências e desenvolvimentos, busca tornar...

Voltar para o blog

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.