YouTube intensifica luta contra bloqueadores de anúncios

Início / Redes Sociais / YouTube intensifica luta contra bloqueadores de anúncios
YouTube intensifica luta contra bloqueadores de anúncios

Há alguns meses, o YouTube anunciou que faria todo o possível para dissuadir seus usuários de usar bloqueadores de anúncios. Nesta dinâmica, a gigante do streaming indica que este software viola as políticas e condições de uso da sua plataforma. Portanto, retarda o tempo de carregamento dos vídeos para evitar seu uso. A única maneira de parar de receber anúncios é assinando uma assinatura Premium do YouTube.

Diminua o tempo de carregamento do vídeo

O YouTube alerta seus usuários sobre bloqueadores de anúncios. Em novembro de 2023, o gigante de streaming já havia tomado medidas retaliatórias, diminuindo o tempo de carregamento dos vídeos. Nos últimos dias, parece que a experiência está se repetindo entre alguns assinantes que estão enfrentando alguns problemas na plataforma. No entanto, parece que os usuários padrão não são os únicos afetados. Alguns usuários Premium também enfrentam atrasos na reprodução do vídeo.

Por um bom motivo, eles ativaram bloqueadores de anúncios para outros fins em seus dispositivos. Nos tópicos do Reddit, vários usuários mencionaram o problema e expressaram suas diversas preocupações. O que mais os preocupa é o fato de a plataforma estar inundada de anúncios fraudulentos. As duas soluções para impedir suas transmissões são ativar um bloqueador de anúncios ou assinar a oferta Premium do YouTube.

Sobre os anúncios ruins que aparecem na plataforma de streaming, um usuário disse em um fórum de discussão do Reddit: “Aparentemente eles foram removidos, mas as pessoas que fazem os anúncios criam contas e endereços de e-mail diferentes para continuar veiculando publicidade, e duvido que o YouTube faça alguma coisa”. sobre isso, porque tenho quase certeza de que ninguém realmente verifica para quais anúncios seu site se destina.

Leia também: YouTube: a monetização de canais não pode mais ser rastreada — o aviso foi removido

Um problema complexo para os usuários

Se os utilizadores da Internet activam bloqueadores de anúncios, não é apenas para impedir a distribuição de anúncios fraudulentos. Alguns usuários detectaram repetidamente anúncios pornográficos na plataforma. No entanto, um representante do YouTube disse à mídia Android Autoridade que estava tomando medidas específicas. O objetivo é proteger os usuários contra anunciantes que violam suas políticas e publicidade inadequada.

Além disso, importa referir que persistem algumas dúvidas relativamente às novidades a implementar pela Google. Nesse sentido, questionamo-nos se a empresa tomaria medidas mais rigorosas para coibir a distribuição de publicidade enganosa no YouTube. Lembrando que o YouTube possui os planos Premium, que podem fazer com que os anúncios não sejam inseridos nos videos que está assistindo, além de algumas outras vantagens.

Roberto Magalhães

O cérebro editor por trás do Tecnologico.online, é um entusiasta apaixonado por tecnologia. Canaliza sua fascinação para criar conteúdo envolvente e informativo. Sua dedicação à inovação reflete-se nos artigos que produz, abrangendo uma ampla gama de tópicos tecnológicos. Com um olhar atento para as últimas tendências e desenvolvimentos, busca tornar...

Voltar para o blog

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.